MUNDO

BorgWarner conclui compra do AKASOl

Divulgação BorgWarner, Frédéric Lissalde, presidente e CEO da BorgWarner

Divulgação BorgWarner, Frédéric Lissalde, presidente e CEO da BorgWarner

ABBA BidCo AG (uma subsidiária BorgWarner Inc de Auburn Hills, Michigan, EUA) adquirir 89,08% da produtora alemã de baterias de Darmstadt, AKASOL AG por US $ 648 milhões.

Frédéric Lissalde, presidente e CEO da BorgWarner comentando sobre a aquisição, disse: “Estamos entusiasmados em adicionar produtos inovadores, capacidades e equipe da AKASOL à BorgWarner conforme avançamos em nosso plano de aumentar nossos negócios de veículos elétricos para aproximadamente 45% da receita total até 2030 em Projeto Charging Forward. Nossas empresas compartilham o compromisso de fornecer soluções inovadoras e ecologicamente corretas para nossos clientes globais e, juntos, estaremos ainda mais bem posicionados para fazer exatamente isso”.

AKASOL agora é uma subsidiária de propriedade majoritária da BorgWarner. A sede da AKASOL está localizada em Darmstadt, Alemanha, e conforme anunciado anteriormente, a AKASOL será administrada de forma independente.

Sven Schulz, CEO da AKASOL AG, comentando sobre o benefício da aquisição pela BorgWarner na época, disse: “Quase quatro meses atrás, a BorgWarner e a AKASOL anunciaram seus planos conjuntos para o futuro e a oferta de aquisição. Agora atingimos um marco significativo com a conclusão da oferta. Nós, membros do Conselho de Administração da AKASOL, consideramos a alta taxa de aceitação um sinal de que a oferta aos acionistas da AKASOL foi feita a um preço razoável. Estamos ansiosos para iniciar agora nossa cooperação com a BorgWarner na nova estrutura de acionistas. Vamos desenvolver uma estratégia sustentável para buscar realizar o potencial de crescimento do AKASOL na Europa, América do Norte e América do Sul”.

Carsten Bovenschen, CFO da AKASOL AG, comentando sobre o desempenho do grupo, disse: “Com a BorgWarner como um parceiro forte do nosso lado, acreditamos que a AKASOL está bem-posicionada para realizar com sucesso o crescimento dinâmico que esperamos à medida que nosso curso de expansão continua a ganhar impulso. Para o ano corrente, podemos olhar para trás e ter um bom primeiro trimestre. Conforme anunciado na segunda-feira, AKASOL foi capaz de triplicar as receitas do primeiro trimestre em comparação com 2020 para EUR 24 milhões e alcançou um EBITDA positivo. Para o ano inteiro, consideramos um aumento na receita de até 50% em comparação com 2020 quanto possível”.

Esta gostando do conteúdo? Compartilhe!